Exames

Doppler Vascular

O que é?

Um exame de Doppler Scan Vascular é um procedimento indolor que utiliza as imagens obtidas por ultrassonografia. Essas imagens são associadas à análise das ondas sonoras de alta frequência, que fazem uma análise do fluxo do sangue no interior dos vasos (Doppler).

Esse exame ajuda detectar doenças nos vasos arteriais como aneurismas e placas ateroscleróticas e, nas veias, como varizes e trombose venosa.

Todos os exames de ultrassom utilizam ondas sonoras de alta frequência e ecos, para obter imagens de estruturas do interior do corpo. Tipos diferentes de sinais são produzidos quando o feixe de ondas sonoras é dirigido a um local particular e as ondas são ricocheteadas no órgão ou tecido do corpo.

O exame de Doppler Scan Vascular pode ser utilizado tanto para obter imagens e sons das artérias (Doppler Scan Arterial), como imagens e sons das veias (Doppler Scan Venoso).

Qual a importância de realizar esse exame?

Os resultados desse procedimento são de grande ajuda no diagnóstico das doenças vasculares mas o exame é altamente dependente da experiência do médico que o realiza e do equipamento utilizado.

Indicações:

A razão mais importante para a realização de um exame de Doppler Scan Venoso dos membros inferiores é procurar por um coágulo de sangue, que se localiza nas veias da perna, nos casos de trombose venosa.

Estes coágulos podem se soltar e seguir para os pulmões, onde podem causar uma condição de risco chamada “embolia pulmonar”. Se diagnosticado em tempo, existem tratamentos que podem impedir esta ocorrência.

Mas a razão mais frequente e comum pela qual este exame é realizado é a avaliação de quadros de edema secundário a varizes dos membros inferiores, principalmente quando se deseja indicar uma cirurgia, ou avaliar se existe comprometimento do sistema venoso profundo.

Quais as variações desse procedimento?

          1. Doppler de carótidas e vertebrais:

O estudo Doppler das artérias carótidas e vertebrais oferece a oportunidade de investigar a condição da estrutura e do fluxo dos vasos sanguíneos que nutrem o cérebro. Muito importante naqueles pacientes que possuem fatores de risco cardiovascular e na investigação e prevenção do acidente vascular cerebral.

O objetivo desse tipo de procedimento é identificar e graduar o estreitamento do vaso causado pelas placas ateroscleróticas. O exame é indicado também para avaliar a espessura da parede da artéria carótida que é um parâmetro de avaliação indireto de como se encontra a circulação coronariana.

Pode se dizer também que é o principal exame de controle de evolução e seguimento após a realização de procedimentos cirúrgicos nas artérias carótidas e vertebrais.

          2. Doppler venoso dos membros inferiores:

O Doppler venoso de membros inferiores (MMII) avalia as veias que drenam o sangue das pernas, o exame também serve para investigar as varizes, pois o ultrassom Doppler venoso consegue detectar a presença de refluxo (fluxo ao contrário do normal).

O ultrassom Doppler permite também avaliar o tamanho das veias safenas, perfurantes e colaterais varicosas.

Outra indicação é o diagnóstico e acompanhamento de trombose venosa, onde o sangue coagula dentro das veias, obstruindo o fluxo venoso e dificultando o retorno do sangue ao coração, onde corre o risco de o coágulo se desprender das veias das pernas e alcançar os pulmões, causando assim uma embolia pulmonar.

O Doppler venoso dos membros inferiores consegue detectar trombos recentes ou antigos nos membros de forma precisa e indolor. É o exame mais usado para diagnóstico de trombose venosa.

          3. Doppler arterial dos membros inferiores:

Esse exame utiliza ultrassom para examinar o fluxo de artérias maiores dos membros inferiores com formação de imagens em cores.

Auxilia também no rastreamento de doença isquêmica periférica, no planejamento cirúrgico e no controle de tratamento de afecções arteriais de membro inferior.

Esse exame é indicado para diagnosticar e quantificar o processo de aterosclerose (formação de placas de gordura na parede das artérias, causando um estreitamento das mesmas).

Indicado para pacientes hipertensos, diabéticos e tabagistas, muitas vezes cursam com ateromatose e/ou obstrução das artérias dos membros inferiores, apresentando dor na panturrilha ao caminhar. Este exame é de grande importância nestes subgrupos de pacientes.

          4. Doppler de artérias renais:

Esse exame com Doppler que tem como finalidade estudar o fluxo nas artérias renais, desde sua origem na aorta abdominal até o rim, procurando identificar áreas de estenose nestes vasos.

O procedimento é indicado para investigação de hipertensão arterial secundária. Especialmente em pacientes jovens que podem estar com displasia fibrosa das artérias renais.

A Investigação de doenças ateroscleróticas desses vasos em pacientes idosos também é motivo de realização deste exame.

          5. Doppler de aorta:

É um Exame não invasivo, realizado em um aparelho de ultrassom que permite a avaliação da Aorta e seus Ramos. Tem a finalidade de avaliar doenças ateroscleróticas, aneurisma, obstruções, entre outras.

 Nossos Profissionais: Dr. Frederico Linhares

Outros Exames