Exames

Phmetria

O que é?

A phmetria esofágica é um exame que tem por objetivo medir a acidez do refluxo gastro-esofágico.

O exame consiste na passagem de sonda pela narina ficando posicionada dentro do esôfago distal. Durante um período de aproximadamente 24h, o aparelho faz aferições em tempo real do ph esofágico.

Por que fazer uma phmetria esofágica?

Esse procedimento tem por finalidade diagnosticar a presença da doença do refluxo gastroesofágico, bem como fornecer auxílio diagnóstico de outras afecções como por exemplo a dor torácica não cardíaca e a tosse crônica de origem indeterminada.

Também é útil no pré-operatório de cirurgias de hérnia de hiato e no controle de cirurgias sobre o cárdia (esfíncter que fica localizado na transição entre o esôfago e o estômago).

Em que consiste o exame de phmetria esofágica?

O exame de phmetria esofágica é simples, embora possa acarretar algum desconforto e restrições passageiras.

Não há necessidade de nenhum preparo prévio especial, onde recomenda-se apenas suspender por uma semana os remédios que o paciente esteja tomando para problemas gastrointestinais (especialmente aqueles que visam diminuir a secreção gástrica) e realizar um jejum de seis horas.

O exame geralmente é realizado em nível ambulatorial onde a forma de preparo consiste em inicialmente o paciente receber uma dose de anestesia local na narina e na garganta, geralmente em forma de gel ou spray.

Em seguida, é introduzida através da narina uma sonda flexível possuindo sensores que registram o pH. Esta sonda é fixada ao paciente e ligada ao Holter (dispositivo portátil que irá monitorar continuamente o pH local do paciente por 24 horas ou mais), onde o equipamento é colocado em uma bolsa presa ao pescoço ou à cintura do paciente.

Durante o período de realização do exame, o paciente deve continuar com suas atividades e hábitos cotidianos e preencher um diário (em folha normalmente fornecida pelo serviço médico que realiza o exame) registrando os horários em que se alimentou, os eventuais sintomas que tenham se manifestado, os horários em que dormiu e acordou e se num dado momento estava deitado, sentado ou em pé.

O diário deve ser preenchido corretamente, pois o profissional irá depender dele para analisar o caso e posteriormente realizar o diagnóstico.

Durante o período em que esteja usando o Holter, o paciente não deve tomar banho nem praticar esportes, para não danificar o aparelho que, tampouco, deve ser exposto a detectores de metais ou a raios X.

Nossos profissionais: Dr. Thiago SabóiaDra. Gardenia CostaDr. Themistocles Mesquita

Outros Exames