Novembro Azul

9 de setembro de 2014

Visando atrair mais homens à preocuparem-se com a saúde, o movimento Novembro Azul (organizado pelo Instituto Lado a Lado pela Vida em conjunto com a Sociedade Brasileira de Urologia – SBU), pegando carona com o Outubro Rosa das mulheres, traz à tona um grande tema que nos concerne: o Câncer de Próstata!

Sendo a segunda doença maligna mais prevalente entre os homens (fica atrás apenas do câncer de pele não-melanoma) tem-se uma estimativa que a cada 7,6 minutos, um novo caso de Câncer de Próstata é diagnosticado no Brasil. Quando surgem os sintomas da doença, esta encontra-se, em cerca de 90% dos casos, em estágio avançado, tornando-se quase nulas as chances de cura. Daí a importância do rastreio do Câncer de Próstata. Esse processo deve começar, segundo a SBU, aos 45 anos para homens que têm história familiar de Câncer de Próstata e aos 50 anos para aqueles que não o têm.

O humor da campanha vem do fato que a melhor forma de fazer o rastreio da patologia é através do toque retal, realizado, preferencialmente , pelo urologista e pelo exame de PSA (antígeno prostático específico) no sangue. Mas porque o “TOQUE”? Simplesmente porque cerca de 15 a 20% dos pacientes com Câncer de Próstata não são diagnosticados apenas com PSA!

Então: Vamos ao TOQUE!!

 

Dr. André Costa

Urologista.

Novembro Azul